Uma oração

Eu tenho uma amiga que tem uma oração pra tudo.

Nada contra, eu até tento seguir seus conselhos e faço uma oração quando vejo que as coisas estão entortando…

Mas eu fico pensando, esperando o resultado da oração, a resposta , como se eu gritasse num abismo e quisesse ouvir nem que fosse o eco , repetindo, repetindo, repetindo o meu desejo…

Acho que as orações deveriam ser palavras mágicas como o pirlipimpim ou abacadabra, resultado imediato…

A minha amiga diz.. Tem que ter fé amiga! Tudo tem seu tempo…

Então lá vou eu de novo, essa mente insatisfeita por natureza… se é para esperar… então é melhor ficar quieta num cantinho… esperando.

Porque eu tenho outra amiga que disse que eu tenho que orar direito, porque senão Deus entende diferente, e eu recebo uma coisa diferente da que eu pedi, embora eu tenha pedido essa coisa (ui – complicado) é melhor ficar quietinha mesmo e deixar o vento passar e levar o que não tem raiz.

Mas, voltando ao meu desejo, de tornar a oração uma espécie de analgésico…com efeitos cientificamente comprovados, com horário de efeito programado. 

 Vou querer saber também se a oração genérica tem o mesmo efeito da oração patenteada.

Não sei, mas de vez em quando , quando não consigo mais reclamar , agir, xingar, esbravejar eu sempre faço uma oração e eu começo assim:

Meu Deus, por favor o que eu faço?

Fico quieta esperando a resposta,  geralmente não percebo se fiz alguma coisa… mas tudo volta ao normal.

Deus sabe que essa frase é a minha oração para todo tipo de problema.

Comentários desativados.

%d blogueiros gostam disto: